Ouça agora na Rádio

N Notícia

Governo federal reconhece situação de emergência de 27 cidades do RS

Governo federal reconhece situação de emergência de 27 cidades do RS

Prefeituras podem solicitar apoio ao Ministério da Integração Nacional. Em outubro, temporal deixou famílias fora de casa e causou transtornos.

O governo federal reconheceu a situação de emergência de 27 municípios do Rio Grande do Sul atingidos por chuva e vento forte no mês de outubro (confira a lista completa ao final da matéria). Com isso, as prefeituras podem solicitar apoio do Ministério da Integração Nacional para a população e para a recuperação de áreas danificadas.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (9) e vale por 180 dias. Com isso, as cidades podem solicitar assistência às vítimas, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de áreas danificadas.

O temporal de outubro causou enchentes e cheias de rios, e deixou famílias desabrigadas e desalojadas em boa parte do estado. Casas foram danificadas com o vento e granizo, e rodovias foram bloqueadas devido a deslizamentos e acúmulo de água. Os vales do Taquari e do Caí e a Região Central foram as localidades com mais danos.

Os municípios que tiveram reconhecidos a situação de emergência são: Bom Princípio, Bom Progresso, Candelária, Catuípe, Ciríaco, Crissiumal, David Canabarro, Eldorado do Sul, Gentil, Getúlio Vargas, Ivoti, Jaguari, Liberato Salzano, Marcelino Ramos, Miraguaí, Montenegro, Nova Bassano, Pantano Grande, Pareci Novo, Santo Antônio do Palma, São Domingos do Sul, São Jerônimo, São Sepé, São Sebastião do Caí, Tenente Portela, Tuparendi e Vila Maria.

G1 RS