Ouça agora na Rádio

N Notícia

MP denuncia cinco homens por morte de PM no Litoral Norte do RS

MP denuncia cinco homens por morte de PM no Litoral Norte do RS

Eles vão responder por 10 tentativas de homicídios e um assassinato. Caso aconteceu em agosto desde ano após invasão de casas por traficantes.

O Ministério Público denunciou cinco homens - todos já presos - pela morte de um policial militar, ocorrida em agosto deste ano em Cidreira, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. A vítima foi Thales Ferreira Floriano, de 31 anos, que atuava em Tramandaí. A denúncia foi apresentada pelo promotor de Justiça Fernando Andrade Alves da Promotoria de Justiça Criminal da cidade gaúcha.

Os cinco homens vão responder por 10 tentativas de homicídio e um assassinato, todos triplamente qualificados: com meio que resultou perigo comum, pois foram realizados inúmeros disparos em via pública; para assegurar a impunidade e a execução das invasões de imóveis para exercício e domínio do tráfico de drogas. 

Além disso, a morte e as tentativas de homicídio foram praticadas contra policiais militares no exercício da função de policiamento. Os denunciados também responderão por violação de domicílio. 

Entenda o caso
Conforme o MP, os 11 policiais militares foram até o local após a invasão de casas no Bairro Chico Mendes. A situação teria ocorrido por disputas por ponto de tráfico no local, já que o líder da venda de drogas havia sido morto em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre, e as ‘bocas de fumo’ estavam sem comando. 

Quando os PMs avançavam entre as ruas Treze e Quatorze, os denunciados, que acompanhavam a movimentação da polícia, passaram a atirar. O policial militar Thales Ferreira Floriano foi atingido na cabeça, ao contrário do que ocorreu com os demais colegas, que não foram atingidos. O policial militar chegou a ser socorrido, mas chegou sem vida ao hospital.

G1 RS