Ouça agora na Rádio

N Notícia

Lava Jato - O Musical': combate à corrupção no Brasil vai virar comédia

FOTO: © REUTERS/ Ueslei Marcelino

Lava Jato - O Musical': combate à corrupção no Brasil vai virar comédia

Produtores teatrais divulgaram no último domingo que estão captando verbas de patrocínio para a encenação de uma comédia musical contando a história da Operação Lava Jato.

O produtor do projeto, Judson Feitosa, falou com exclusividade à Sputnik Brasil sobre a montagem do espetáculo. Todas as informações são do site SPUTNIK NEWS BRASIL, acesse! 

A polêmica história da Operação Lava Jato vai ser transformada em musical. O espetáculo "Lava Jato – O Musical", já conseguiu autorização para captar R$ 706 mil e deve estrear nos palcos brasileiros em 2018.

 A Sputnik Brasil falou com exclusividade com o idealizador do projeto, o ator e dramaturgo, Judson Feitosa, que explicou como surgiu a ideia de fazer um musical sobre a Lava Jato e qual a proposta do espetáculo. 

"Eu sempre gostei de conversar sobre política, é um assunto que sempre me interessou, e pensei: por que não escrever um musical sobre o período histórico que a gente está vivendo? Então eu sentei e escrevi, muito rápido, a inspiração veio de uma vez. Registrei o texto e tá aí", disse o idealizador do projeto. 

"Na verdade, eu vou além da Lava Jato. A Lava Jato é um mote para eu falar sobre o Brasil, sobre o período histórico que nós estamos vivendo, porque nós estamos vivendo a história. Nós ainda não temos o distanciamento para perceber isso, mas estamos vivendo uma história, e isso tem que ser retratado nos palcos", acrescentou. 

Judsom destacou que a trama terá início com a chegada do ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, ao Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste da cidade.

"Tem vários personagens que já do conhecimento geral das pessoas, eu também inventei alguns, até porque, como eu falei, é um espetáculo, eu não tenhho nenhum compromisso com a realidade, então eu me inspiro na realidade pra construir uma outra, cênica", explicou.

Cartaz da peça 'Lava Jato - O Musical'
DIVULGAÇÃO
Cartaz da peça 'Lava Jato - O Musical'

Judson disse também que não teme ser alvo de ações por parte dos políticos e empresários envolvidos na Lava Jato.

"Como eu falei, é um espetáculo, não é a realidade, a realidade é outra coisa. O espetáculo é uma realidade cênica. E até mesmo, acho que foi no ano passado, que o Supremo liberou as biografias não autorizadas, que é muito mais sério. Você tá falando da vida real de uma pessoa. Então eu acredito que não vamos ter problema nenhum, até porque censura já acabou, né gente?", destacou. 

Segundo ele, o próxima etapa para a montagem do espetáculo é a escolha de elenco, que se inicia após a conclusão do processo de captação da verba. 

 "Além de ser um elenco grande, eu preciso que os atores sejam muito bons comediantes, que saibam cantar, que saibam dançar. E eu durante o texto utilizei todos os artifícios possíveis de comédia. Então, além de serem comediantes eles vão ter que ser versáteis", frisou o idealizador do projeto. 

Ao ser questionado se o musical da Lava Jato vai acabar em pizza ou em samba, Judson foi categórico: "Isso vocês vão ter que ver, mas em pizza certamente não vai (risos)". 

FONTE: SPUTNIK NEWS BRASIL
Link Notícia