Ouça agora na Rádio

N Notícia

Bottas volta a superar Hamilton e lidera segundo treino livre em Silverstone

FOTO: © Divulgação/AFP

Bottas volta a superar Hamilton e lidera segundo treino livre em Silverstone

Embalado com vitória, finlandês melhora tempo e crava 1min28s496

A sexta-feira foi de Valtteri Bottas e da Mercedes no circuito de Silverstone. Após liderar o primeiro treino livre para o GP da Inglaterra, o finlandês repetiu a dose na segunda atividade na icônica pista e também fechou a segunda atividade como o piloto mais rápido, em nova dobradinha da Mercedes. Todas as informações são do site SUPER SPORTES.

Bottas é coadjuvante na briga entre o inglês Lewis Hamilton e o alemão Sebastian Vettel pelo título do Mundial de Pilotos. Mas o finlandês chega para a corrida em Silverstone embalado por um fim de semana praticamente perfeito, pois no GP da Áustria, a prova anterior do campeonato, ele faturou a pole position e ainda venceu a corrida.

E Bottas não poderia ter um começo melhor na tentativa de ampliar essa boa fase. Afinal, ele liderou a primeira sessão da sexta-feira em Silverstone e melhorou o seu desempenho no segundo treino, quando garantiu o melhor tempo do dia com a marca de 1min28s496, registrada quando utilizava os pneus supermacios.

Mas Bottas foi seguido de muito perto por Hamilton, que venceu as últimas três edições do GP da Inglaterra e também contabiliza um outro triunfo nessa corrida, em 2008. Agora, neste fim de semana, tentará vencer mais uma vez para se igualar ao escocês Jim Clark e ao francês Alain Prost, os maiores ganhadores da prova, com cinco triunfos cada. Hamilton ficou na segunda posição, com o tempo de 1min28s543, cravado quando treinava com os pneus macios.

A Ferrari, que havia sido superada pela Red Bull no primeiro treino livre, conseguiu recuperar a condição de segunda força na sessão vespertina (no horário local) em Silverstone. E quem mais se destacou pela equipe foi o finlandês Kimi Raikkonen, o terceiro mais rápido, com 1min28s828.

Assim, Vettel, o líder do campeonato, acabou sendo superado pelo seu próprio companheiro de equipe e ficou na quarta colocação com 1min28s956, sendo o último piloto a registrar uma volta no circuito de Silverstone em menos de 1min29. Batida pela Ferrari, a Red Bull veio logo atrás com os seus dois pilotos, com o holandês Max Verstappen em quinto lugar, com 1min29s098, e o australiano Daniel Ricciardo na sexta posição.

O alemão Nico Hulkenberg, da Renault, foi o sétimo mais rápido. Nono colocado no primeiro treino livre do GP da Inglaterra, o brasileiro Felipe Massa subiu um posto e fechou a segunda atividade em oitavo lugar após cravar o tempo de 1min30s006, sete posições à frente do canadense Lance Stroll, seu companheiro de equipe na Williams, que foi o 15º.

O espanhol Fernando Alonso, da McLaren, assegurou o nono lugar, com o francês Esteban Ocon, da Force India, completando a relação dos dez mais rápidos no segundo treino livre para o GP da Inglaterra, a décima das 20 etapas da temporada 2017 da Fórmula 1.

Os pilotos voltam a acelerar neste sábado no circuito de Silverstone, sendo que o treino de classificação está marcado para começar às 9 horas (de Brasília). O horário é o mesmo da largada do GP da Inglaterra no próximo domingo.

FONTE: SUPER SPORTES
Link Notícia