Ouça agora na Rádio

N Notícia

Root no smartphone? A Netflix não funciona mais para você

FOTO: © Divulgação

Root no smartphone? A Netflix não funciona mais para você

Netflix não deixa mais usuários com root e bootloader desbloqueado rodarem app da empresa.

Root no smartphone? A Netflix não funciona mais para você

Smartphones com root não têm mais acesso ao app da Netflix

A Netflix tomou algumas precauções contra usuários Android que utilizam root ou desbloqueiam o bootloader dos smartphones. A partir de agora, celulares que não estejam dentro de certos padrões de segurança, não verão mais a Netflix na Google Play Store.

A plataforma de streaming agora usa o Wildvine DRM do Google que bloqueia o uso de certos aplicativos em devices com root. Essa segurança é uma tentativa da Netflix de proteger a sua produção contra pirataria. Assim, smartphones que não passarem no status de segurança do Wildvine DRM (dispositivos com root ou que tenham o bootloader desbloqueado) podem dar adeus à Netflix.

A princípio, usuários pensaram que era um erro na Play Store, mas em seguida a empresa oficializou a intenção. De certa maneira, evitar o root faz sentido na plataforma, embora a maioria dos usuários não estejam usando esse desbloqueio para piratear a Netflix.

Agora, para aparelhos que tenham o bootloader desbloqueado, talvez a medida tenha sido um pouco demais, pois mesmo que o software do celular não tenha sido modificado, ele não passará no teste do SafetyNet para o Google Play. Portanto, quem estiver usando a prévia de desenvolvedores do Android O não verá mais o aplicativo na Play Store.

Será que a Netflix foi longe demais?

O bootloader desbloqueado não é tão ruim assim. Enquanto algumas pessoas preferem um software mais limpo, como o da Lenovo/Motorola, fazer a troca do SO original de um Asus, por exemplo, não deveria ser condenável.

Inclusive, usuários que quiserem testar o Android O, e saírem do Nougat, terão que pensar duas vezes se precisam da Netflix no smartphone ou não.  De qualquer maneira, se a empresa acredita que vai inibir a pirataria das suas séries e filmes, ou pelo menos dificultar o acesso, por que não?




FONTE: SHOWMETECH
Link Notícia