Ouça agora na Rádio

N Notícia

Governo confirma Moura como líder no Congresso e Jucá, no Senado

Governo confirma Moura como líder no Congresso e Jucá, no Senado

Réu em três ações penais no Supremo Tribunal Federal, deputado quebra tradição e substituirá Jucá no posto que ele se acostumou a ocupar

O Palácio do Planalto confirmou no início da noite desta segunda-feira que o presidente Michel Temer indicou o deputado federal André Moura (PSC-SE) como novo líder do governo no Congresso e o senador Romero Jucá (PMDB-RR) como líder do governo no Senado.

Em nota oficial, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República afirma que “ambos os parlamentares somarão esforços no Congresso para promover a votação e aprovação das reformas essenciais para a sociedade brasileira”.

Aliado do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), preso em Curitiba desde outubro, André Moura foi líder do governo Temer na Câmara desde que o presidente assumiu o cargo interinamente, em maio de 2016, quando a ex-presidente Dilma Rousseff foi afastada. Moura foi precedido na função pelo deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), nomeado há duas semanas.

A indicação do deputado pelo presidente quebra uma tradição de nomear senadores à vaga. Réu em três ações penais no Supremo Tribunal Federal (STF), o novo líder do governo no Congresso vai substituir Romero Jucá – que já ocupara o posto nos governos Dilma, Lula e Fernando Henrique Cardoso.

Investigado em inquéritos da Operação Lava Jato no STF, o peemedebista assumirá o lugar deixado pelo tucano Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), indicado por Michel Temer para o Ministério das Relações Exteriores após renúncia do ex-ministro José Serra.

VEJA